GOVERNO ADIA NOVAS REGRAS SOBRE PONTO ELETRÔNICO





INFORMAÇÃO 
O Ministério do Trabalho resolveu estender até março do ano que vem o prazo para que as empresas se adaptem às novas regras do ponto eletrônico. A decisão foi anunciada menos de 24 horas depois que o ministro Carlos Lupi, em reunião com dirigentes de sete centrais sindicais na noite de terça-feira, confirmou para 26 de agosto o início da vigência da regulamentação.


O motivo apresentado pelo ministério para o adiamento é um dos que as entidades representativas da indústria, sobretudo, vinham invocando para se opor à regulamentação: a falta de equipamento para atender, a curto prazo, as regras de controle e fiscalização.


Um estudo da Secretaria de Inspeção do Trabalho teria constatado que apenas 184.000 relógios eletrônicos de ponto são produzidos mensalmente no Brasil, enquanto o número de empresas que usam sistema de ponto eletrônico é de, pelo menos, 700 mil. Assim, a ampliação do prazo seria indispensável para a indústria de relógios de ponto abastecer as empresas que têm que se adequar às novas regras.
Ver matéria registro de ponto eletrônico.


Fonte: Portal Brasília Confidencial



Publicado: http://segurancaprivadadobrasil.blogspot.com

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: