SEGURANÇA PRIVADA EM PRAÇA PÚBLICA REDUZ CRIMINALIDADE EM PORTO ALEGRE

NOTÍCIAS

A Segurança Privada atuando na segurança pública, como já vemos tudo leva crer que a segurança privada vai trabalhar em conjunto com os orgãos de segurança pública, confira a matéria abaixo.
Em fevereiro de 2005, uma mulher foi atacada por estuprador enquanto caminhava na Praça Marcos Rubin, localizada na zona leste de Porto Alegre. A vítima, violentada e gravemente ferida, agora vive em estado vegetativo na Bahia.Durante aquele ano, os frequentadores do local enfrentaram uma série de crimes, incluindo assaltos, agressões e furtos. Na tentativa de devolver a segurança ao parque, a associação de moradores do bairro decidiu contratar empresa de vigilância privada.— É obrigação do Estado, mas enquanto eles não fazem nada a gente “abraça a bronca” — explica o presidente José Clóvis Oliveira.Há três anos, a prefeitura de Porto Alegre cercou toda a extensão do parque. Atualmente, dois motociclistas patrulham os quase 64 mil metros quadrados de área da praça. A síndica de um prédio próximo ao local afirma que a vigilância já trouxe resultados.— Diminuiu a criminalidade, com certeza. Ainda pode melhorar, mas já temos condições de andar com mais tranquilidade — comemora.No total, 1.098 moradores contribuem com taxa de R$ 12,75 por mês para o pagamento dos seguranças. O supervisor de Praças, Parques e Jardins da secretaria municipal de Meio Ambiente, Carlos Py, não condena a atitude.— Não se pode negar que o caminho, quando o problema é grave, é a iniciativa privada — admite.
Fonte: Zero Hora
Publicado: http://segurancaprivadadobrasil.blogspot.com

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: