PROFISSIONAL DE SEGURANÇA NOTURNA PRECISA DORMIR BEM

Dormir bem é uma condião vital para o ser humano, pois é durante esse período que o cérebro processa informações, armazena memórias e elabora estratégias essensiais à sua sobrevivência, além de recuperar os hormônios vitais para o funcionamento do corpo. Alguns trabalhos experimentais têm demonstrado que o sono é fundamental para o combate eficaz às infecções, e apontam que pessoas que não dormem adequadamente sentem falta de energia para as tarefas diárias , ficam deprimidas ou irritadiças, queixam-se de dificuldade de concentração, apresentam maior frequência de doenças infecciosas, ficando mais suscetíveis a acidentes automobilísticos, além de envelhecerem mais rapidamente. Mas afinal, o que é dormir bem?

HORAS E HORAS DE SONO

Algumas pessoas acreditam que uma noite bem dormida está relacionada à quantidade de horas de sono, quando na verdade tanto a privação de sono quanto os execessos de horas dormidas podem acarretar em problemas de saúde.
Há evidências consistentes que dormir menos do que o corpo pede pode aumentar o risco de diabetes, hipertensão arterial, doenças cardiovasculares e obesidade. Por outro lado, foi constatado que os adultos que dormem mais que o necessário, enfrentam problemas semelhantes aos que dormem menos. O número de horas de sono ideak para reparar as energias gastas em vígilia costuma ser em média de seis a oito horas por noite, mas há quem se sinta bem com apenas cinco horas, enquanto outros necessitam de nove a dez horas.
Apesar de haver essa flexibilidade na questão de horas a serem dormidas, é consenso que a qualidade do sono deve ser abrangida por todos.
A pertubação do ciclo sono-vígilia resulta em significativos danos à saúde e ao bem estar, por isso é tão preocupante os casos daqueles que invertem o período do repouso, trabalhando a noite e dormindo de dia, como é de centenas de profissionais da área de segurança, responsáveis pela segurança noturna de diversos estabelecimentos.
Estes profissionais garantem a segurança de patrimônios e a vida de terceiros, portanto para eles torna-se inevitável a jornada noturna, já que sua condição de trabalho exige que permaneçam “vigilantes” para coibir uma possível ação de marginais. Em uma séria de entrevistas realizadas pela FETRAVISP -( Federação dos Trabalhadores em Empresas Enquadradas do Terceiro Grupo do Comércio e Empregados em Empresa Prestadoras de Serviço no Estado do Paraná ) com os vigilantes que seguem essa rotina, ficou constatado que a maioria deles tem preferência por trabalhar nessa inversão de turno.
Como é o caso de um profissional da segurança privada que há 6 anos vem trocando o dia pela noite: ” Acostumar, a gente nunca se acostuma, mas trabalhar à noite é muito mais sossegado e ainda podemos aproveitar parte do dia.” – afirma o profissional.
Vale apena frisar que a maioria dos profissionais de segurança privada principalmente os vigilantes trabalha em escala 12×36, o que exige destes , uma rotina ainda mais regrada e um rigoroso controle do sono para evitar problemas de saúde decorrentes das noites passadas em claro.
COMO DORMIR MELHOR
– Evite o consumo de cafeína, nicotina e álcool nas últimas horas antes do horário de descanso.
– Não faça refeições exageradas antes de deitar.
– Procure deitar no mesmo horário mesmo nos fins de semana.
– Mantenha o quanto em abiente escuro, arejado e numa temperatura agradável.
– Faça exercícios de relaxamento ou tome banho quente antes de deitar.
– Só use pílulas para dormir em caso de absoluta necessidade e sob orientação médica.
– Evite dormir com a televisão ligada.
– Se estiver deitado por mais de trinta minutos sem conseguir pegar no sono, levante e faça alguma atividade, como ler um livro por exemplo.
PARA NÃO DORMIR NO TRABALHO
Embora tanto a medicina quanto os trabalhadores reconheçam que a jornada noturna é penosa para a maioria das pessoas, aqueles que não a podem evitar devem usar algus artifícios para “não dormir no trabalho”, como por exemplo.
– Dormir o suficiente durante o seu horário de folga;
– Utilizar horários de sono e vigília o mais regularmente possível;
– Não ficar parado durante muito tempo;
– Empregar o uso da luz para diminuir a sonolência;
– Usar a cafeína (quando não houver contra indicação) como estimulante: ele está presente em café, chocolates, refrigerantes, chá mate, etc…
Além disso, faça sempres uma alimentação adequada e pratique algum tipo de atividade física, isto certamente lhe dará suporte para desempenhar seu trabalho com muito mais saúde e disposição.
Participe das enquetes do Blog, de sua opinião abaixo sobre está matéria sua participação é muito importante.
Fonte: Revista Vigilante em Fogo 2010

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: