PERNIOSE: A FRIEIRA DE INVERNO

A Perniose do inverno, está entre as ocorrências mais comuns, pois atingem principalmente a face, mãos, nariz e orelhas, que estão mais expostas ao frio.
O aparecimento da Perniose, é uma resposta inflamatória anormal a baixas temperaturas, e como tal, está relacionada a exposição constantes ao frio e humidade.
Clinicamente, observam-se nódulos que variam do vermelho ao violeta, que por vezes ulceram, e se distribuem, simetricamente nos dedos das mãos e pés, e, menos frequentemente, nos tornozelos, nariz e orelhas. Estas lesões habitualmente, provocam dor, sensação de ardência no local, e por vezes prurido. As lesões de Perniose solucionam-se lentamente, com duração de uma a três semanas, a menos que a exposição ao frio e à umidade continue. Como prevenção, recomenda-se o uso de vestimentas adequadas à estação e o aquecimento do ambiente. Outro detalhe importante é o reconhecimento das condições de tempo que podem predispor à lesão.
Em alguns casos mais graves, o problema só é resolvido através do uso de medicamentos, portanto, procure sempre a orientação de um médico para tratar da enfermidade.

Uma resposta to “PERNIOSE: A FRIEIRA DE INVERNO”

  1. Cláudio Says:

    Muito bom a resposta !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: